O que a FCA está fazendo com a Lancia?

A marca hoje se resume a um modelo

16w ago
1.4K

O objetivo deste artigo não é contar a história da Lancia e etc, e sim mostrar como uma marca que ganhou tantas competições, com modelos clássicos como Lancia Delta S4 Stradale de 1985, Lancia 037 Rally Evo 1 Group B de 1982 e o famoso Lancia Delta HF Integrale Evoluzione 1 'Martini 6' de 1992 está hoje praticamente esquecida, muita gente se quer lembra da Lancia em pleno 2020.

Foto: Girardo

Foto: Girardo

Se você entrar no site da Lancia verá os modelos disponíveis, digo, o modelo disponível. O Ypsilon.... Em 2019 o Ypsilon vendeu 58.820 unidades em toda europa, para efeito de comparação o Citroen C3 vendeu 210.465 unidades, VW Polo 257.804 unidades em 2019.

Ypsilon, vamos la.... que carrinho horroroso, essa coisa está na sua segunda geração, lançado em 2003 e seguiu até 2011 e de 2011 até os dias atuais segue em linha. Um carro de porte do Citroen C3 mas muito feio, sem graça e chato, seria menos ruim se o Ypsilon tivesse um 1.4 multiair turbo do Fiat 500 Abarth mas nada disso.... seu motor mais potente é diesel com incríveis 95 hp, zero-100 em 11,4s e velocidade máxima de 183km/h.

Algumas marcas do grupo FCA como a Lancia e a Maserati precisam de uma nova reestruturação, da mesma forma que ocorreu com a Alfa Romeo, modelos que honrem seu passado trazendo seu legado para o presente, isso não quer dizer modelos extremamente potentes e sim equilibrados dinamicamente. É triste para nós entusiastas ver uma marca praticamente indo a falência(a Lancia neste caso).

Na minha cidade existe um Lancia Delta, versão civilizada, e toda vez que vejo ele penso "este é o Lancia da Golden era" como era bonito, tinha personalidade, um design característico da época.

Girardo

Girardo

Qual a sua opinião em relação a situação atual da Lancia? Comente, queremos saber a opinião dos nossos leitores. Se possível deixe seu bump(like) aqui abaixo.

Join In

Comments (2)

  • Precisamos da Lancia de volta, mas que não sejam SUVs. A FCA poderia usar a Lancia como uma marca para atender o nicho de esportivos mais baratos, um hot hatch de entrada, um belo coupé e talvez um seda esportivo cairiam bem. Carros bem desenhados, acertados para o publico entusiasta

      1 year ago
2